Mochileiro das Galáxias!

ads_guia_mochileiro_galaxias

Você acorda de ressaca. Começo de dia ruim, não é? Aí, você percebe vários tratores pela janela, prontos para demolir sua casa. O dia ficou pior, certo? Mas ele não poder ficar ainda pior, não é? Pode sim, no universo louco de “O Guia do Mochileiro das Galaxias”, um dos maiores e mais cômicos clássicos da ficção cientifica, escrito em 1979 por Douglas Adams (falecido em 2001), e reeditado pela Editora Sextante.

O inglês Arthur Dent acorda de ressaca para descobrir que sua casa está para ser demolida para a construção de um desvio rodoviário – um projeto antigo do qual ele só foi informado no dia anterior. No momento em que Arthur se coloca na frente dos tratores para impedir que a demolição ocorra, seu amigo Ford Prefect, um ator desempregado, o convence a ir a um pub para tomar uma cerveja… afinal Arthur vai perder a casa de qualquer jeito já que o mundo está para acabar em qunize minutos. E no exato momento que a casa de Arthur está sendo posta abaixo, a Terra é surpreendida pela vinda de extraterrestres… mais precisamente, a Frota de Construção Vogon, que veio demolir o planeta porque ele está no caminho da construção de um desvio hiperespacial…

Arthur e seu amigo Ford conseguem escapar do desastre… tomando uma carona em uma nave Vogon… ou como Arthur coloca tão bem: “Ei espere! Você está me dizendo que a gente levantou o polegar e algum monstrinho verde de olhos esbugalhados pôs a cabeça para fora e disse: Oi, gente entrem aí que eu deixo vocês na saída do viaduto?” É isso aí, e as surpresas não acabam aqui… Na verdade, Ford Prefect é um alienígena de Betelgeuse que ficou preso na Terra por quinze anos, enquanto fazia pesquisa de campo sobre a Terra para “O Guia do Mochileiro das Galáxias”, um livro best-seller para viajantes espaciais – na verdade, um computador com uma capa bem apropriada: a frase “Não Entre em Pânico!”.

Com certeza, um aviso *muito* apropriado… porque Arthur vai precisar desse conselho nessa aventura, na qual vai encontrar os personagens mais estranhos que eles poderiam imaginar (ou talvez não pudesse…) como Zaphod Beeblebrox, um cara estranhíssimo (e o fato de ter duas cabeças e três braços é o menor detalhe de sua estranheza) que roubou a revolucionária nave Coração de Ouro, Trillian, uma astrofísica terráquea, e Marvin, o corretamente chamado Androide Paranoide, ou como Arthur comenta, “um gerador eletrônico de mau humor”, através de uma viagem aos trancos e barrancos pela galáxia até um planeta lendário onde descobriremos a verdadeira historia da Terra e a Resposta para a Pergunta Fundamental para a Vida, o Universo e Tudo o Mais…

“O Guia do Mochileiro das Galáxias” é uma história bem incomum, e foi criada de maneira bem incomum: primeiramente foi escrita como uma minissérie de rádio para a BBC, mais tarde adaptada para a TV, e em seguida, transposta para livro, cujo sucesso, gerou mais quatro continuações: “O Restaurante no Fim do Universo”, “A Vida, o Universo e Tudo o Mais”, “Até Mais, e Obrigado pelo Peixes!” e “Totalmente Inofensiva” (continuações que a Editora Sextante prometeu publicar…). Além disso, sua adaptação para o cinema já está sendo filmada… Essa trajetória de sucesso anômalo realmente combina com o tom do livro cujo humor ora debochado ora sarcástico casa perfeitamente com as situações mirabolantes que Arthur Dent cai de cabeça – Douglas Adams usa isso de maneira incrível para debochar das loucuras de nossa própria sociedade, como a burocracia e a chamada “alta cultura”… Além disso, é muito interessante à maneira como ao mesmo tempo que brinca Adams também homenageia as teorias mais importantes da ciência moderna, como a Evolução ou a Mecânica Quântica – não, não é necessário conhecer ciência para se divertir com o livro, mas quem conhecer com certeza mais se divertir mais ainda – como na sua descrição do Gerador de Improbabilidade Infinita da nave Coração de Ouro, que lembra um pouco a descrição do físico Richard Feynman para a trajetória de elétrons.

Em suma, “O Guia do Mochileiro das Galáxias” é um livro divertidíssimo e você com certeza vai se pegar rindo alto das trapalhadas de Arthur Dent, Ford Prefect e companhia.

E mais uma coisa… Não entre em pânico!

Textos pra DOWNLOAD:

1- O Guia do Mochileiro das Galáxias

2- O Restaurante no Fim do Universo

3- A Vida, O Universo e tudo Mais

4- Até Mais, e Obrigado Pelos Peixes!

5- Praticamente Inofensiva

4 Respostas para “Mochileiro das Galáxias!

  1. Tem o download do 6º livro(E tem outra coisa… , do Eoin Colfer) ai?*-*
    Já procurei em dezenas de sites,e não achei! :/

    Curtir

  2. E o outro livro “e tem outra coisa “uma continuação/homenagem para douglas adam depois que ele morreu

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s